single-post

Georgeo Passos sugere auxílio para filhos órfãos de mães vítimas de feminicídio em Sergipe

12/04/2022

O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) refletiu em pronunciamento no grande expediente desta terça, 12, na Assembleia Legislativa, sobre o elevado índice de casos de feminicídio no Brasil. O deputado destacou que em Sergipe foram registrados cinco casos de feminicídio, entre janeiro e março/2022.


O parlamentar citou registros de feminicídio ocorridos recentemente em Nossa Senhora das Dores, São Cristóvão e São Miguel do Aleixo. “É inadmissível nos dias de hoje existam tantos casos de violência contra a mulher. É preciso que os homens que não concordam se posicionem, para acabarmos com esse tipo de violência”, pontuou Georgeo.


Georgeo ressaltou que a violência contra a mulher geralmente acontece de forma silenciosa, dentro de casa, de forma física ou psicológica e, em alguns casos, com mulheres mantidas até em cárcere privado. “Muitas vezes quando a sociedade vem tomar conhecimento são com as mortes de mulheres”, frisou.


Auxílio

O deputado informou que está sendo debatido em outros estados a possibilidade de auxílio para os filhos órfãos, que perderam suas mães em crimes de feminicídio. Projetos para auxiliar esses filhos até alcançar a maioridade. Georgeo sugere um auxílio para famílias de baixa renda, ou seja, mães cadastradas no CadÚnico.


"É preciso que o Governo de Sergipe faça uma reflexão, encaminhe projeto para Alese, para criarmos essa Lei", sugere Georgeo Passos citando como exemplo Cuiabá/MT, que paga R$ 550,00 como ajuda aos representantes legais de filhos órfãos em casos de feminicídio.